23 Jun

Inova-FEI traz diversidade de soluções e ideias

Inova Blog

O fim do semestre é marcado por provas, entregas de trabalhos e rotinas severas de estudo. Mas, para alunos que estão concluindo o curso e iniciando a vida profissional como formados, o desafio é ainda maior!

Esse desafio é chamado de Inova-FEI, evento que reúne os Projetos de Conclusão de Curso dos formandos em Engenharia Química, Civil, Automação e Controle, Elétrica, Produção, Têxtil e Ciência da Computação.

Print Blog

Centro Universitário FEI recebe visitantes no InovaFEI – 2017

Essa diversidade de áreas do conhecimento promove um evento eclético cheio de ideias inovadoras e protótipos interessantes, que recebem a visita de ex-alunos, professores, familiares e, em especial, profissionais do setor, que além da visita fazem também a avaliação dos trabalhos.

No fim da noite, os melhores projetos são premiados com troféu e o reconhecimento do corpo docente presente.

Confira os trabalhos vencedores:

  • Ciência da Computação

2º lugar – Sistema Preditivo de Recomendação Baseado em Filtros Colaborativos e Clusterização

Sistema Preditivo em Filtro

Alunos do projeto Sistema Preditivo de Recomendação Baseado em Filtros Colaborativos e Clusterização

Este projeto propõe a previsão mais precisa sobre o comportamento, gostos e preferências, dos usuários na internet cujo espaços publicitários são cada vez mais valorizados de acordo com essa demanda. Sendo assim, a ferramenta promete identificar esses comportamentos com mais precisão, com o objetivo de sinalizar esses espaços valiosos para o mercado.

1º lugar – Serviço de infraestrutura para Controle Parental em Aplicativos Mensageiros

Sicpam

Alunos do projeto Serviço de infraestrutura para Controle Parental em Aplicativos Mensageiros

A utilização da internet trouxe inúmero benefícios para a sociedade, em todos âmbitos, pela velocidade da informação e possibilidade de interação. Porém, um ponto sempre preocupante dessa realidade é a segurança e privacidade, especialmente nos serviços de mensagens. Este trabalho tem como objetivo garantir aos pais a segurança de crianças que utilizam esse serviço, coletando os dados enviados e armazenando-os para uma averiguação de segurança, permitindo assim a identificação de terceiros má intencionados para com menores de idade.

  • Engenharia Civil

1º lugar – Análise Geotécnico-estrutural de Deformações e Esforços em Barragens de Enrocamento com Face de Concreto

Enrocamento

Alunos do projeto Análise Geotécnico-estrutural de Deformações e Esforços em Barragens de Enrocamento com Face de Concreto

O objetivo deste trabalho é efetuar análises de tensões e deformações em Barragens de Enrocamento (um maciço composto por blocos de rocha compactados) com face de concreto (BEFC), através do Método dos Elementos Finitos (ANSYS)

  • Engenharia de Elétrica e Automação e Controle

2º lugar – Sistema de Auxílio para Compras em Varejo

Spezio

Alunos do projeto Sistema de Auxílio para Compras em Varejo

Este trabalho consiste em um sistema de promoção e compra em varejo a partir de dispositivos móveis, permitindo que o usuário realize as compras, acesse promoções e ofertas e dicas em geral

1º lugar – Sistema Inteligente de Gerenciamento de Manutenção Automotiva

Sigma

Alunos do projeto Sistema Inteligente de Gerenciamento de Manutenção Automotiva

Esse criativo e amplo sistema permite que o usuário faça toda a prevenção de seu veículo. O Sigma é composto pelos seguintes módulos de hardware e software:

 – Central Eletrônica modular para o gerenciamento de dados e comunicação;

 – Interfaces modulares e expansíveis para a leitura dos sensores automotivos;

 – Aplicativo de smartphone (Android) para o monitoramento e interpretação dos dados apresentados ao usuário.

  • Engenharia de Produção

2º lugar – Proposta de Custeio de Procedimento Médico Coronário Aplicando Método ABC e Custo Efetividade.

metodo abc 2

Alunas do projeto Proposta de Custeio de Procedimento Médico Coronário Aplicando Método ABC e Custo Efetividade

O objetivo desse trabalho é discutir a gestão de custos do setor de saúde e aplicar o método de custeio ABC, afim de apoiar o gerenciamento dos custos de procedimentos hospitalares, permitindo qualificar as explanações relacionadas com o aumento/redução dos gastos.

1º lugar – Melhoria da Eficiência em uma Linha de Indústria de Autopeças

trabalho

Alunos do Projeto Melhoria da Eficiência em uma Linha de Indústria de Autopeças

Cada vez mais comum no mercado, otimizar os custos e trazer inovações em uma linha de produção é o objetivo de diversas indústrias e empresas. Este trabalho apresenta uma proposta de pequenas mudanças na linha de produção de serviço para atingir esses objetivos, buscando novos caminhos. O estudo foi realizado a partir de uma das maiores empresas de autopeças, onde um problema de produção e distribuição foi identificado.

  • Engenharia Química

2º lugar – Comparação entre os Tratamentos por Esgotamento e Membrana para a Água Ácida Proveniente de Refinaria de Petróleo

trabalho quiimica

Alunos do projeto Comparação entre os Tratamentos por Esgotamento e Membrana para a Água Ácida Proveniente de Refinaria de Petróleo

O objetivo deste trabalho é avaliar e comparar alternativas de processo para o tratamento de águas ácidas das refinarias de petróleo, como Esgotamento (Stripping) e por Membrana. Otimizar custo e gasto energético é uma das principais metas.

1º lugar – Estudo da Extração da Quercetina a partir da Cebola Roxa e seu uso como Conservante Alimentar Natural

Cebola

Alunos do projeto Estudo da Extração da Quercetina a partir da Cebola Roxa e seu uso como Conservante Alimentar Natural

A Quercetina, flavonóide natural que possui propriedades farmacológicas, é encontrada na cebola roxa e este complexo estudo traz orientações sobre a melhor maneira para realizar a extração dessa matéria, como a temperatura ideal, por exemplo.

  • Engenharia Têxtil

2º lugar – Análise do Efeito de Estampas por Sublimação em Malhas de Poliéster

malha

Aluna do projeto Análise do Efeito de Estampas por Sublimação em Malhas de Poliéster

O transfer é um dos procedimentos mais famosos na produção de camisetas em geral. Este trabalho tem como objetivo analisar a influência da variação do número de filamentos nos fios de poliéster de mesmo título, na cor, na solidez à lavagem entre outros pontos, das malhas submetidas a estampa transfer em cores intensas e de grande cobertura.

1º lugar – A Utilização da Impressora 3D na área Têxtil

impressora

Aluno do projeto A Utilização da Impressora 3D na área Têxtil

Com os rápidos avanços tecnológicos, as famosas impressoras 3D já são realidade hoje em muito setores. Este trabalho tem como objetivo realizar um estudo sobre as possibilidades da utilização de uma impressora 3D para a área têxtil.

Nós do Blog da FEI parabenizamos a todos os alunos por toda criatividade, emprenho e, agora, título de profissionais formados pela FEI!

Assista também à reportagem:

 

14 Jun

TFCMAT – Trabalho de Final de Curso de Engenharia de Materiais

Alunos do curso de Engenharia de Materiais apresentaram seus Trabalhos de Final de Curso no dia 8 de junho.

TCFMAT Blog

Foram 4 apresentações, divididas entre manhã e tarde, no auditório do IECAT no prédio T com diferentes temas abordados. Os trabalhos foram orientados por professores que assistiram as apresentações junto de alunos, ex-alunos, convidados e avaliadores.

Confira os projetos apresentados:

– Reprocessamento do PP copolímero heterofásico através de 6 ciclos de injeção

Autora: Flávia dos Santos F. Ferreira Netto | Orientadora: Profª. Drª. Adriana M. Catelli de Souza

TFCMAT (37)

Flávia dos Santos durante apresentação do Trabalho Final.

Sobre o projeto: uma das maiores preocupações da atualidade é a sustentabilidade do planeta e como descartar de maneira correta os rejeitos, até mesmo reaproveitando-os, inserindo-os novamente na sociedade. Este trabalho tem por objetivo verificar os efeitos sobre as propriedades mecânicas e reológicas do polipropileno copolímero heterofásico após 6 ciclos de injeção. Além de analisar possíveis mudanças estruturais bem como a degradação do material.

– Efeitos da radiação ionizante proveniente de raios-X e feixe de prótons nas propriedades de semicondutores

Autora: Mariana Bortoletto Paschoal | Orientadora: Proª. Drª. Marcilei Ap. Guazzelli da Silveira

TFCMAT (89)

Mariana Bortoletto durante apresentação do Trabalho Final

Sobre o projeto: neste trabalho foi realizado um estudo sobre as propriedades físicas dos materiais que compõem um dispositivo eletrônico, especificamente um transistor com estrutura Metal-Óxido-Semicondutor de Efeito de Campo, a partir de parâmetros elétricos obtidos pelos efeitos causados pelo bombardeamento de prótons e irradiação por raios-X.

– Relações entre a curva tensão-deformação cíclica e vida em fadiga de aço ARBL bifásico

Autora: Verônica Montes | Orientador: Prof. MSc. William Naville

TFCMAT (135)

Verônica Montes durante a apresentação do Trabalho Final

Sobre o projeto: este trabalho apresenta a obtenção de curvas tensão-deformação cíclica e a estimativa da vida em fadiga de um aço bifásico sem a necessidade de ensaios completos de fadiga, analisando a viabilidade desse método em comparação com um trabalho anteriormente realizado.

– Estudo da Influência da Formação de Fases Intermétálicas na Temperatura Crítica de Pite do Aço UNS S31803 em solução 0,6m NaCI

Autor: Daniel Augusto Abed de Andrade | Orientadora: Profª. Drª. Daniella Caluscio dos Santos

TFCMAT (182)

Daniel Augusto durante apresentação do Trabalho Final

Sobre o projeto: com o propósito de verificar a influência de fases intermediárias na CPT, este trabalho tem como objetivo estudar a influência da formação de fases intermetálicas na CPT do aço UNS S31803 envelhecido a 850ºC em solução 0,6M NaCI.

O Blog da FEI deseja muito sucesso aos novos Engenheiros!

Veja também como foi a ExpoMecAut e ExpoMecPlena

 

 

09 Jun

59ª ExpoMecAut expõe Projetos da Engenharia Mecânica

Alunos do curso de Engenharia Mecânica Automobilística da FEI apresentaram, no último dia 08 de junho, seus Projetos de Formatura na 59ª ExpoMecAut, que aconteceu no ginásio de esportes.

Expo Blog

Professores e alunos da FEI, profissionais do setor, amigos e familiares dos formandos puderam conhecer os 05 projetos apresentados, trazendo soluções e novas ideias para transportes e locomoção.

O evento contou com a presença de uma banca examinadora, com júri formado por profissionais importantes da indústria, avaliando os quesitos:  criatividade em inovação, conteúdo técnico do projeto, viabilidade do projeto e modelo em escala da inovação.

Conheça os cinco projetos e os três vencedores da noite.

Projeto LF 420

LF - 420

Projeto LF – 420 na 59ª ExpoMecAut

O projeto apresenta uma solução para o transporte de cargas rodoviárias, com um sistema compacto e leve que facilita no carregamento e descarregamento de carga, além de oferecer melhores condições de trabalho aos operadores, com um novo sistema de ergonomia. O sistema visa otimizar até 50% do tempo atual utilizado nesses serviços, 20% do volume e 25% de carga. A plataforma para levantamento da carga é acionada por uma bolsa de ar.

Projeto HY-P

HY-P

Projeto HY-P na 59ª ExpoMecAut

De olho na tendência por produtos ecologicamente corretos, esse projeto traz uma solução que otimiza o sistema híbrido-elétrico, tornando-o mais acessível, uma vez que os veículos atuais não possuem espaço para um sistema hibrido elétrico, além do peso que tal tecnologia traz para os automóveis. A proposta de otimização serve, justamente, para solução desse problema, melhorando sua eficiência e arquitetura.

Projeto AcquaBoost – 3º lugar

Acquaa Boost

Projeto AcquaBoost na 59ª ExpoMecAut

Esse projeto, classificado como o 3º melhor da noite, propõe a injeção de água em motores a combustão sobrealimentados. Essa solução nasceu a partir dos problemas de baixo rendimento desses motores, anomalias no funcionamento devido à temperatura elevada, além da emissão de gases poluentes. Diante desse problema, a meta do grupo é diminuir a temperatura da câmara de combustão.

Projeto H2D – 2º lugar

H2D usar

Projeto H2D na 59ª ExpoMecAut

Há uma grande dependência de diesel no setor de transporte, que devido ao alto uso anual, as taxas de emissões de poluentes também são grandes. O projeto oferece uma solução para reduzo no consumo de diesel para veículos rodoviários pesados, mantendo a potência do motor.

Projeto Eqüus – 1º lugar

Trator

Projeto Eqüus na 59ª ExpoMecAut

O projeto vencedor da noite, Eqüus, propõe um Trator Porta Implemento, que buscar prover a mobilidade ao pequeno produtor, que representa hoje 85% dos trabalhadores rurais. O trator promete realizar diversas operações que otimizam o tempo de trabalho e garante melhores condições físicas para o trabalhador, com sistema de transmissão hidráulica, implementação dianteira e um sistema traseiro para esterçar, facilitando ainda mais a locomoção.

Confira na reportagem como foi o evento!

20 Dec

43ª Elexpo apresenta trabalhos de conclusão de curso dos alunos da Engenharia Elétrica

Nove projetos dos formandos do curso de Engenharia Elétrica da FEI foram expostos na última terça, 18 de dezembro, no ginásio da Instituição, durante a Elexpo, exposição que apresenta os trabalhos de conclusão de curso (TCC) realizados pelos alunos.

Tecnologias criadas para facilitar o cotidiano de pessoas com deficiência, como o aparelho portátil para cegos,que identifica quando uma fruta está pronta para consumo , e uma versão digital de exercícios para pacientes com Síndrome de Down, foram alguns dos projetos apresentados na exposição.

A preocupação com a segurança em residências e apartamentos também foi um dos temas abordados pelos alunos.

O projeto “Segurança para condomínios”, por exemplo, prioriza a melhora da segurança na entrada de prédios por meio de algumas ferramentas, como o reconhecimento facial e travamento de portões pelo controle automático quando a pessoa não é reconhecida.

Rodrigo Kenji Susuki, um dos idealizadores do projeto, conta como o dispositivo de segurança funciona no dia a dia: “Após o acionamento do controle pelo condutor, o carro passa pelo primeiro portão do prédio. Em seguida, o motorista é reconhecido facialmente e comparado com um banco de imagens que o sistema já possui. Se reconhecido, é aberto o segundo portão. Caso contrário, os dois portões travam e a pessoa precisa aguardar o porteiro”. O processo parece longo, mas o aluno diz que o reconhecimento e destravamento dos portões levam em torno de 5 segundos.

Outro diferencial é o custo do equipamento. Segundo Susuki, o software sairia por R$ 1.500, e não teria a necessidade de manutenção mensal.

Projeto “Segurança para condomínios” otimiza segurança na entrada de condomínios

Já pensando em promover a praticidade, conforto e acessibilidade de pessoas com dificuldade de locomoção, um dos grupos de formandos idealizou o “Controle residencial por voz”, sistema de controle por comandos de voz de dispositivos domiciliares, como torneira, sanitário, iluminação, janelas ou até mesmo ventilador. De acordo com o aluno Marcos Fukazawa, é possível abrir e fechar uma janela pela voz, por exemplo.

O conhecimento colocado em prática

Para a construção de todos esses projetos, os alunos recebem dos professores as orientações necessárias, desde o nascimento da ideia, até o dia da exposição. E precisam, inclusive, usar aprendizados iniciais do curso: “Os alunos utilizam nesses projetos todos os ensinamentos obtidos em sala de aula, até mesmo disciplinas do ciclo básico, como por exemplo, métodos numéricos, cálculo, estatística, entre outros”, diz o professor da FEI e coordenador da Elexpo, Dr. Aldo Artur Belardi.

Dr. Aldo Artur Belardi diz que alunos usam conhecimentos do ciclo básico do curso de Engenharia Elétrica para criar os projetos da Elexpo

Durante a Elexpo, os projetos foram avaliados por uma banca de jurados formada por professores, ex-alunos e empresários do setor. Os cinco melhores trabalhos foram premiados com troféus e medalhas pelo Centro Universitário da FEI. Veja abaixo a colocação e a descrição de cada projeto.

1º lugar: Sistema de frenagem eletromagnética microcontrolado

Sistema destinado a veículos de tração traseira, como caminhonetes e vans, até ônibus e caminhões de grande porte, cuja frenagem auxiliar é feita por meio de um disco metálico acoplado ao cardan. Este sistema é formado por duas partes principais: unidade de controle e de frenagem.

2º lugar: Economia de energia em máquina sopradora

Além da economia de energia quando há o desligamento do motor hidráulico da máquina durante o período de sopro (quando não há movimentos hidráulicos) e religar um segundo antes do reinício dos movimentos, os alunos destacam aumento do fator de potência e também a prevenção do sobreaquecimento do óleo na linha hidráulica.

3º lugar: Reconhecimento de traço em dispositivo touch screen

O aplicativo visa à replicação de exercícios de fisioterapia em um sistema digital (tablete) que ajuda a medir o desempenho e evolução do paciente ao longo do tratamento, possibilitando ainda o arquivamento de todos os resultados. O projeto pode ajudar pessoas com Síndrome de Down, Paralisia Cerebral, Doença de Parkinson ou que sofreram Acidente Vascular Encefálico (AVE).

4º lugar: Medidor de rotação para motores CC a partir da análise da corrente de excitação

O projeto mede a rotação de um motor de corrente contínua pela análise da forma de onda da corrente de excitação.

5º lugar: Luva mouse microcontrolada

O dispositivo evita movimentos repetitivos do mouse convencional e aumenta a interatividade do usuário de computador com a interface de manipulação do cursor. O dispositivo é desenvolvido em um formato de luva para que os movimentos da mão possam controlar o ponteiro do mouse.

Para ver as fotos da 43ª Elexpo, acesse o álbum da fanpage da FEI no Facebook: http://goo.gl/hGUAI

18 Dec

31ª Expo MecPlena da FEI apresenta projetos de Formandos da Engenharia Mecânica Plena

Formandos do curso de Engenharia Mecânica Plena da FEI se reuniram na noite da última sexta, 14 de Dezembro, para apresentar os projetos de formatura durante a 31ª Expo MecPlena. Ideias criativas, inovadoras e promissoras puderam ser conferidas nos 12 projetos expostos no ginásio do Centro Universitário da FEI.

Um dos projetos que ganhou destaque durante a Expo MecPlena foi o Hydro Lifter, uma plataforma feita de aço inoxidável para cadeirantes que, ao ser acionada por uma alavanca, se deslocará até 1,5 metro de profundidade na piscina. O projeto foi desenvolvido pensando na acessibilidade para auxiliar àqueles com mobilidade reduzida no acesso à piscina.

Antes mesmo de expor o trabalho na Instituição, o Hydro Lifter repercutiu em diversos veículos de comunicação, como O Jornal.net, Maxpress e também no renomado portal Instituto de Engenharia.

Um dos diferenciais do projeto é o baixo custo. Outros equipamentos já existentes no mercado chegam a custar até R$10 mil e são hidráulicos ou mecânicos, enquanto o Hydro Lifter custaria cerca de R$ 5 mil, trazendo como vantagem a plataforma mecânica, que deixa o valor mais em conta.

Projeto Hydro Lifter facilita acesso de cadeirantes à piscina

Durante a exposição, os projetos foram avaliados por um júri técnico de acordo com os seguintes quesitos:

• Avaliação técnica e funcional – Viabilidade técnica e construtiva, forma e princípio de funcionamento.

• Projeto do conjunto – Análise de conjunto, layout, interação entre componentes e ergonomia (quando aplicáveis).

• Detalhamento – Cálculo, métodos de projeto, dimensionamento e especificações.

• Benefícios – Vantagem diferenciada, estudo de impacto ambiental e descarte.

• Apresentação – Clareza na definição de objetivos e na apresentação dos projetos, organização.

Os vencedores da noite foram:

1º Lugar: Bio Energia

O projeto visa o desenvolvimento da engenharia básica de um reator de biodigestão, permitindo o aproveitamento energético de resíduos orgânicos, aliado ao correto tratamento dos mesmos.

2º Lugar: Fricsolda

Equipamento de solda por fricção (ou atrito) para junção de topo de chapas de liga de alumínio de pequena espessura, baseando-se no processo Friction Stir Welding, que consiste em uma ferramenta rotativa que se desloca linearmente ao longo da junção de solda, aquecendo o metal base por atrito.

3º Lugar: MEP

A proposta do MEP (Máquina de Ensaio de Pneus) é elaborar a engenharia básica de um equipamento de ensaio, capaz de obter a resposta das forças atuantes em uma família de pneus trafegando em pisos macios.

Projetos vencedores


Infraestrutura da Instituição contribuiu para a realização dos trabalhos

Társis Tezza, um dos idealizadores do Fricsolda, conta que utilizou a estrutura da Instituição para testar a proposta: “Para validar nosso projeto fizemos diversos experimentos dentro dos laboratórios da FEI. Com certeza o mercado aceitaria este trabalho”.

Criadores do Fricsolda comemoram o sucesso do projeto

Uma das responsáveis pelo projeto Hydro Lifter, Karina Rossi Nagano, também ressalta que a Instituição auxiliou o grupo com todas as informações para que o trabalho saísse do papel: “A FEI prestou toda a orientação necessária. Os professores estavam sempre disponíveis a esclarecer qualquer dúvida, onde conseguir materiais, empresas que podiam nos ajudar, indicação de especialistas para conversarmos, além do auxílio na construção do estande”, ressaltou.

Karina ainda contou que, muitas empresas visitam a exposição para conferir o trabalho dos formandos: “Os profissionais perguntam sobre os nossos projetos, qual o diferencial e isso é muito importante, porque vemos que as empresas estão olhando o que estamos fazendo e que os alunos da FEI estão mesmo preparados para o mercado de trabalho”.

Formandos responsáveis pelo Hydro Lifter tiveram destaque na mídia pela construção do projeto

O professor e coordenador da Expo MecPlena, Arthur Tamasauskas, confirma a declaração da aluna, “As empresas esperam que o aluno tenha condições de desenvolver um projeto e a Expo MecPlena atende perfeitamente esse objetivo. É uma simulação dentro da Instituição do que pode ocorrer na empresa”, diz.

Arthur conta ainda que alguns alunos chegam até a conquistar uma oportunidade de trabalho durante a Expo MecPlena: “Quando uma empresa vê o envolvimento do aluno, abrem-se as portas do mercado para ele ”, afirma.

Professor Arthur Tamasauskas conta que Expo MecPlena abre portas para o mercado de trabalho

Segundo Tamasauskas, a FEI avalia para um futuro próximo, a possibilidade dos projetos da MecPlena se tornarem um produto vinculado à empresas que procuram o Centro Universistário da FEI durante a exposição.

Curta nossa página no Facebook

Twitter