22 fev

Tecnologia da informação segue em alta no País

De acordo com último estudo do setor, a área movimentou mais de US$ 30 bilhões de dólares no Brasil. 

2 TI

De acordo com os dados mais recentes da Associação Brasileira das Empresas de Software (ABES) em parceria com a International Data Corporation (IDC), o setor de Tecnologia da Informação movimentou mais de US$ 39 bilhões de dólares, em 2016. O montante representa 2,1% do PIB brasileiro, fazendo com que o País ocupe o primeiro lugar no ranking de investimentos no setor na América Latina.  Apesar de estar em alta não só no Brasil como no mundo todo, ainda há muitas dúvidas sobre a atuação na área. Pensando nisso, convidamos o professor coordenador do MBA em Gestão de Tecnologia da Informação do Centro Universitário FEI, William Francini, para esclarecer as principais questões e trazer informações sobre a área. Confira!

O que é Gestão de Tecnologia da Informação?

Basicamente, é a capacidade de administrar equipes e projetos com foco em um conjunto de atividades que gerenciam a informação através de recursos computacionais. O setor se divide em três áreas de atuação: infraestrutura, software e banco de dados. “Podem ter mais subdivisões e a figura de um gerente capaz de administrar todas as etapas se faz extremamente necessária”, afirma o professor William Francini.

Qual a importância de se pensar e trabalhar a TI?

A Tecnologia da Informação tem participação crescente em todas as áreas do conhecimento. Jornalismo, Letras, Medicina, Engenharia, Gestão, Marketing e Comunicação são alguns exemplos de áreas que fazem uso intensivo de TI. “Todo profissional, de qualquer área, pode se beneficiar ao fazer uso inteligente de recursos tecnológicos e de seu tempo. A combinação de competências gera novas soluções e abre novas oportunidades – de negócios, de trabalho e de projetos”, explica o docente da FEI.

1 TI

Onde poderá atuar o profissional especializado em gestão de Tecnologia da Informação?

“Este profissional pode atuar de inúmeras formas. Pode ser um empreendedor, e criar seu próprio negócio – sendo este o trabalho de conclusão do MBA em Gestão de TI da FEI. Na FEI, a ideia é gerar um projeto de negócio ou empresa de base tecnológica (EBT)”, destaca Francini. Por outro lado, o profissional poderá ser um(a) executivo(a) com visão empreendedora e estratégica, com influência na estratégia empresarial e de inovação das empresas. Pode também ser um intraempreendedor, isto é, um executivo que gera novos projetos inovativos para empresa na qual trabalha. “Além, é claro, de poder assumir as principais posições profissionais de TI nas organizações”, destaca o professor.

Professor William

MBA em Gestão de Tecnologia da Informação

Atento às exigências do mercado, o Centro Universitário FEI está com inscrições abertas para o MBA em Gestão de Tecnologia da Informação no campus São Paulo. O curso foi desenvolvido por profissionais de TI com ampla experiência executiva em parceria com os professores do programa de pós-graduação em Administração da FEI e conta com parceria tecnológica da IBM. O programa foca em desenvolvimento da capacidade de tomada de decisão, resolução de problemas mal estruturados e imprecisos e visão empreendedora, associados aos conceitos da Ciência de Serviços.  As aulas são dinâmicas e contam com mapas conceituais, jogos de empresas, simuladores, além de leitura de artigos de negócios e acadêmicos e uso intensivo de tecnologias de informação como ferramentas de apoio. O público-alvo é formado por bacharéis em Administração, Ciências da Computação e Engenharias, dentre outras formações. As inscrições vão até 27 de abril e as aulas estão previstas para maio.

ti 3

Serviço – MBA em Gestão de Tecnologia da Informação – Centro Universitário FEI

Inscrições: Até 28/04

Site:   www.fei.edu.br

Contato: Secretaria do campus São Paulo: (11) 3274-5200 e iecatsp@fei.edu.br.

28 nov

FEI abre inscrições para mestrado stricto sensu e 27 cursos de especialização nas áreas de gestão e tecnologia

O Centro Universitário da FEI está com inscrições abertas para 27 cursos de Pós-graduação Lato Sensu nas áreas de tecnologia e gestão e também para os Programas de Mestrado em Administração, Engenharia Elétrica e Engenharia Mecânica.

Os Programas de Mestrado da FEI, aprovados pela CAPES, incorporam a competência em pesquisa e a tradição e a excelência da instituição em formar profissionais altamente qualificados para o mercado de trabalho. Os cursos são projetados tanto para alunos com disponibilidade em tempo integral (com possibilidade de bolsas CAPES, CNPq, FAPESP e Institucional) quanto para os que atuam no mercado.

Os cursos de Especialização Lato Sensu, coordenados pelo IECAT (Instituto de Especialização em Ciências Administrativas e Tecnológicas), são voltados para profissionais das áreas de tecnologia, engenharia, administração, negócios e finanças.

Um dos destaques é o curso de Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação. Criado em 2002, o curso é destinado a graduados em informática e administração e profissionais em áreas não correlatas que exercem ou almejam cargos gerenciais e executivos. O foco é capacitar estes profissionais com uma profunda base de conhecimento de Tecnologia da Informação e sua utilização para gestão e inovação nas organizações. Para isso são discutidas tendências e melhores práticas, como ITIL (Information Technology Infrastructure Library), COBIT (Control Objectives for Information and Related Technology) e Gerência de Projetos (conforme metodologia PMI – Project Management Institute) e com importante ênfase em governança corporativa e da TI.

O conteúdo é desenvolvido com base em estudos de casos reais e tem foco na inovação e gestão de negócios e de pessoas, levando-se em conta a busca da competitividade das empresas com eficácia e sustentabilidade”, adianta o Prof. José Agostinho Baitello, coordenador do curso Gestão Estratégica da Tecnologia da Informação.

Os cursos são ministrados nos campi São Bernardo e Liberdade/SP. Outras informações podem ser obtidas pelo site da FEI: http://www.fei.edu.br.

Curta nossa página no Facebook

Twitter