20 dez

A FEI é uma Instituição Amiga do Empreendedor

“Oportunidades não surgem. É você que as cria” – Chris Grosser, fotógrafo.

Blog

As mudanças na sociedade nos últimos 10 anos têm criado novos hábitos e visões, especialmente nos negócios. As gerações atuais são formadas por mentes inovadoras e corajosas, que geralmente não ficam mais do que 5 anos em uma empresa. Mais que se distanciar do ponto eletrônico e rotinas no escritório, esse comportamento expressa uma tendência latente: o empreendedorismo.

O Centro Universitário FEI, referência entre as instituições de ensino por trabalhar a inovação, sustentabilidade e empreendedorismo em seus planos pedagógicos, foi convidado pelo MEC – Ministério da Educação, para integrar o Programa Instituição Amiga do Empreendedor: um projeto que visa apoiar as micro e pequenas empresas, desenvolvendo habilidades e conhecimentos para que cada vez mais elas tenham o sucesso nos negócios, contribuindo para uma sociedade mais justa.

Isso significa que, a partir de agora, um espaço fixo na Instituição será destinado aos profissionais que prestarão o atendimento e treinamento aos microempresários interessados. E claro, esse procedimento também beneficiará os alunos, que contarão com mais uma fonte de conhecimento em suas formações.

Outro grande (e preocupante) motivo da grande busca da população em empreender seu próprio negócio, é o desemprego. De acordo com o professor de Administração da FEI, Edson Sadao, existem 13,5 milhões de desempregados no País, criando-se, então, a necessidade por procurar novas alternativas de suprir o orçamento de casa. Para o Prof. Edson, as instituições de ensino podem receber esses empreendedores e apoiá-los nessa atividade, como a FEI tem feito.

A expectativa para 2018 é de que 500 instituições de ensino façam parte do programa, distribuídas pelo Brasil inteiro, seguindo o exemplo da FEI.

Saiba mais no vídeo abaixo:

Deixe seu comentário

Curta nossa página no Facebook

Twitter