19 Apr

Como ter um bom rendimento na hora de estudar?

Teen boy and girl sitting together and studying

Vivemos em um mundo cada vez mais tecnológico e com entretenimento fácil a um clique de distância. Smartphones e seus diversos aplicativos, serviços de streaming e seus catálogos de filmes e seriados são verdadeiras tentações para qualquer jovem. Quem nunca passou o fim de semana fazendo uma maratona de seriado? Em meio a tanta aventura moderna, somando isso à rotina de trabalhar, curtir a família, os amigos e o namorado (a), um dilema sempre surge na vida de todos: Como organizar o tempo e os estudos para conseguir um bom rendimento?

Diferente dos seriados, a maratona de provas pode se tornar uma verdadeira tortura para quem deixa para estudar na última hora, e esse é um dos primeiros pontos a evitar (se não o primeiro). Neste post trazemos dicas valiosas para você organizar os seus estudos, e pra deixa-lo ainda mais rico de informação, conversamos com o Professor Roberto Baginski, um dos responsáveis pelo Programa de Apoio ao Ingressante (PAI) da FEI.

Portanto, copie e cole essas dicas no bloco de notas do seu celular, e aproveite:

1. Tenha uma agenda.

O primeiro passo pra se organizar é ter uma agenda! Pode ser eletrônica no celular, no notebook, ou até mesmo em um papel escrito a caneta, não importa. O importante é você marcar o dia exato da prova e o horário. Geralmente as datas das provas são divulgadas com bastante antecedência, não é mesmo? Então, marque todas elas na sua agenda, de preferência com algum lembrete sobre o conteúdo que cairá na avaliação.

2. Estude acompanhado, mas de grupo pequenos.

Combine grupos de estudo com seus amigos de classe, a troca de conhecimento é sempre uma fonte rica de informação e aprendizado. Vocês podem se divertir estudando juntos, e ainda tirar aquela selfie pra postar nas redes sociais. #VamoFEI

Group of university students using laptop outdoors

O professor Roberto Baginski, do Centro Universitário FEI, recomenda:

  • Tenha certeza de que todos no grupo querem mesmo estudar.
  • Resolva primeiro os problemas recomendados por seu professor e que você ainda não resolveu; depois, os de provas anteriores.
  • Não resolva os problemas na ordem em que os assuntos foram tratados nas aulas; misture os assuntos: isso obriga sua mente a trabalhar mais e esforço aplicado corretamente gera aprendizagem.
  • Esforce-se para resolver os problemas; não os abandone antes de ter tentado de verdade.
  • Estudar a solução de um problema não é a mesma coisa que tentar resolvê-lo por conta própria; só veja a solução do problema quando tiver realmente “travado” em algum ponto e tiver certeza de que ninguém no seu grupo tem uma boa ideia sobre o que fazer; mesmo neste caso, procure entender o passo e não apenas copiá-lo acriticamente.
  • Faça pausas de uns 10 minutos a cada 90 minutos de estudo, aproximadamente; descontraia um pouco e, depois, volte aos estudos.

3. Faça um resumo de uma página da matéria

Relacione ideias, conceitos, definições, equações, técnicas e procedimentos importantes. Não copie resolução de exercícios em seu resumo.

4. Não adianta virar noites estudantes

O cérebro precisa de sono de boa qualidade para fixar o conhecimento obtido durante o estudo. Você precisa estar alerta e descansado para as aulas do dia seguinte e para as provas.

5. Use a internet a seu favor

É possível hoje encontrar muitas dicas de estudo pelo YouTube. Identifique quais são suas dificuldades e procure por vídeos que possam lhe auxiliar nelas. Aqui, por exemplo, trazemos um vídeo apresentando 4 formas de ser mais produtivo durante os estudos. Confira:

https://www.youtube.com/watch?v=YZa3nbZJIRs

Dicas anotadas? Então vamos em frente que logo mais as provas estão chegando. Boa sorte!

Curta nossa página no Facebook

Twitter