03 dez

Lançamento Fórmula FEI 2019

O Centro Universitário FEI, promoveu no dia 13 de dezembro, o tão esperado e inédito evento de lançamento dos carros da Equipe Fórmula FEI, Elétrico e Combustão, para a temporada 2019. Uma noite muito especial e oportuna para reunir familiares, amigos e patrocinadores, que de certa forma contribuíram para o desenvolvimento do projeto.

44256594030_e87422647a_k

Antes da revelação dos veículos, o reitor do Centro Universitário FEI, professor Fábio do Prado, proferiu algumas palavras de incentivo à equipe, seguido do coordenador do curso de Engenharia Mecânica, Marko Ackermann, e por último, o professor de Engenharia Elétrica e responsável pelo projeto, Fábio Delatore, que se aprofundou na essência do projeto e apresentou suas expectativas para 2019.

O capitão da equipe e aluno, João Bruno Palermo, foi o responsável por apresentar toda a parte estrutural e técnica que os novos Fórmula contemplarão para a próxima temporada. O novo Fórmula Combustão contém um chassi reforçado em fibras de carbono do tipo monocoque, que torna o veículo mais leve e aderente, feito inédito na categoria, tornando-o o único carro brasileiro a possuir essa tecnologia. O Elétrico possui um pacote dinâmico e sistema de gerenciamento de energia, que as outras equipes da categoria ainda não possuem. Ambos os veículos são leves, capacitados para atingir ótimas velocidades e melhor desempenho em curvas.

31133786497_9961d53b82_k

 

Logo após, uma retrospectiva da Equipe Fórmula FEI, apresentada pelo Professor de Engenharia Mecânica Roberto Bertolussi, foi exibida, detalhando toda a evolução do projeto e momentos vivenciados desde seu início em 2004. Segundo ele, “todos os projetos estudantis têm a função de desenvolver no aluno, competências que a sala de aula não é capaz de fornecer”. Bertolussi ainda cita o papel que a FEI exerce em função da atividade: “A FEI sempre deu apoio para os projetos e desenvolve muito os alunos que passaram por essa experiência”.

Para a tão esperada apresentação dos carros, uma contagem regressiva iniciou-se, e aos últimos segundos, uma cortina de fumaça gerada por uma máquina foi produzida, para enfim, revelar os veículos da próxima temporada.

45348346054_763fc0c596_k

Vale destacar a preocupação e comprometimento que o Centro Universitário FEI garante aos seus alunos e docentes. O projeto Fórmula FEI auxilia os alunos a desenvolverem competências pessoas, incentiva o trabalho em equipe, promove a multidisciplinaridade e polivalência, garantindo que os membros estejam preparados para seguir carreira em diversas áreas e segmentos Motorsport, além de montadoras.

No Youtube, disponibilizamos o vídeo realizado durante a cobertura do evento. Confira em nosso canal:

31 out

Como ter um melhor rendimento no ENEM?

thumbenem cpia

Nos próximos dias 04 e 11 de novembro de 2018, milhares de alunos(as) de todo o País realizarão o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM). Para muitos, essa é a oportunidade de mudar de vida, uma vez que muitas instituições de ensino, públicas e particulares, utilizam a nota da avaliação como forma de ingresso em seus cursos. O Centro Universitário FEI, inclusive, é uma delas. Referência nas áreas de Administração, Ciência da Computação e Engenharia, a Instituição permite que os candidatos do Vestibular apliquem suas notas do ENEM como forma de apoio ou mesmo ingresso direto, dispensando o exame institucional.

Pensando em apoiar esses estudantes, o professor e chefe do Departamento de Física da FEI, Roberto Baginski, gravou um vídeo com ótimas dicas que podem ajudar em um melhor rendimento no ENEM. Clique aqui e assista!

Prof. Baginski ENEM

Professor da FEI dá dicas para um melhor rendimento no ENEM 2018:

14 ago

Coordenador de Ciência da Computação da FEI é nomeado em associação internacional de robótica

Prof. Flavio Robocup

O coordenador do curso de Ciência da Computação da FEI, Flavio Tonidandel, foi nomeado como membro do Conselho de Curadores da RoboCup Federation, uma das associações de robótica mais importantes do mundo.

A RoboCup Federation é uma associação internacional, sem fins lucrativos, que comanda e gerencia os eventos da RoboCup em todo o mundo. A RoboCup é o maior evento do mundo de robótica e o time Robô FEI sempre se destaca nas competições. Conheça mais no vídeo abaixo:

Além da RoboCup, outro evento de destaque organizado pela associação é o Simpósio Científico anual de Robótica. Essa conquista reforça a influência e importância da FEI na área de robótica e inteligência artificial, reconhecida no Brasil e no mundo.

O Blog da FEI deseja boa sorte ao professor Flavio! É uma honra para a Instituição fazer parte dessa história. Leia mais aqui!

Até o próximo post 😉

13 jun

Dicas para o Vestibular FEI – Junho de 2018

No próximo sábado, 16 de junho, os dois campi do Centro Universitário FEI receberão os candidatos para o Vestibular do Meio do Ano. O exame garantirá vagas para os cursos de Administração, Ciência da Computação e 8 Engenharias da Instituição, com início das aulas marcado para agosto.

Esse é um momento muito importante (e decisivo) na vida dos estudantes, que se dedicaram durante o ano todo em busca de conquistar uma vaga em uma das melhores instituições de ensino do País.

Vestiba

Para garantir a tranquilidade e bom rendimento durante a prova, o Blog da FEI destacou aqui as principais informações, com base nas principais dúvidas que recebemos dos candidatos, seja por e-mail ou rede social. Confira:

Qual será a data da prova?

O exame será realizado no dia 16 de junho de 2018, um sábado.

Qual será o horário da prova?

A exame será realizado das 8h30 às 12h30. Portanto, o tempo total da prova é de 4 horas, sendo a permanência mínima de 1 hora e meia.

Importante: aconselhamos aos candidatos que cheguem às 8h00, pois, pode haver trânsito intenso na região dos campi.

Como fico sabendo o local e sala de prova?

Os candidatos receberão os dados do local (campus) e sala de prova um dia antes do exame, ou seja, no dia 15 de junho. Também será possível consultar essa informação no site do vestibular, na área de candidato.

A prova é composta por quantas questões?

O exame é composto por 60 questões. Na página 21 do Manual do Candidato, você encontra as divisões de questões de acordo com a prova de cada curso. E entre as páginas 26 e 31, o conteúdo que será exigido em cada uma das disciplinas.

Além dessas informações básicas, as dicas abaixo vão ser de grande ajuda para o seu desempenho:

2863792011_2faaca0d5a

Uma boa noite de sono – Durma cedo no dia anterior à prova e tome um banho ao acordar para despertar. Se alimentar é importante, então tome um bom café da manhã, mas nada pesado que te deixe com sono novamente. O ideal é dormir cerca de 8 horas.

alarm-clock-155187_960_720

Chegue com antecedência – Programe-se! Imprevistos acontecem e chegar com antecedência nunca é um ponto negativo. Em dias de Vestibular, é comum o trânsito ao redor da Instituição ficar mais intenso, portanto, saia mais cedo. Lembre-se que você deve conferir em que sala realizará a prova e para isso é preciso tempo.

395px- Korean_Traffic_sign_(Follow_Directions).svg

Para chegar ao local da prova – Muitos vestibulandos moram em outras cidades, então cheque o local da sua prova e descubra como chegar lá e quanto tempo você levará. A FEI disponibiliza em seu site, rotas e informações sobre transporte coletivo para os dois campi, além de mapas com instruções.

back-to-school-953250_960_720

Não esqueça seus documentos e materiais – Lembre-se que os candidatos podem levar apenas lápis, caneta e borracha. A apresentação do RG e do comprovante de inscrição é obrigatória para confirmar que você fez a sua inscrição.

7-Healthy-late-night-snacks-that-will-NOT-undo-it-allO que comer e o que vestir – O período máximo para realização da prova é de até 4 horas, então os candidatos são autorizados a levar lanchinhos rápidos. A nossa dica é que prefira lanches leves e não esqueça sua garrafinha de água. Além disso, conforto é importante, então vista roupas adequadas para o clima do dia.

Acima de tudo, confie em você! Desejamos a todos uma boa prova 🙂

05 jun

Engenharia FEI promove Desafio da Ponte Estaiada

1

As mudanças do mercado de trabalho têm exigido habilidades flexíveis os profissionais. Na Engenharia, por exemplo, criar soluções que tornam a vida em sociedade mais prática depende da união de conhecimentos entre as áreas: mecânica, elétrica, materiais, química, têxtil, civil, produção e automação, além de muitos outros aspectos.

Preparando os alunos para esse cenário, o professor do departamento de física da FEI, Antonio Santoro, promoveu aos alunos de Engenharia o “Desafio da Ponte Estaiada”, no qual os estudantes devem pesquisar diferentes modelos, projetar e construir pontes estaiadas. Os trabalhos são avaliados de forma prática, submetidos a testes de pesos e regras preestabelecidas. À primeira vista, parece ser um projeto somente da Engenharia Civil, porém, os alunos logo notam que construir tal protótipo (assim como em construções reais) requer a integração e trabalho de todas as áreas do conhecimento da Engenharia: multidisciplinaridade.

“Nós percorremos os prédios da FEI, laboratórios como mecânica, civil, aprendemos utilizar algumas máquinas. É importante essa troca de conhecimento”, comenta o aluno William Trindade, de Engenharia Mecânica, que participou do desafio.

Veja mais no vídeo abaixo:

Curta nossa página no Facebook

Twitter